O que é um American Depositary Receipt (ADR)?

O ADR é um certificado negociável norte-americano que representa a titularidade de ações em uma companhia não americana. Cada ADR é emitido por um banco depositário norte-americano (banco com sede nos Estados Unidos que supervisiona todas as transferências de ações e presta serviços relacionados ao programa de ADR) e representa uma ou mais ações de uma empresa estrangeira, ou a fração de uma ação. O preço de um ADR normalmente é próximo ao preço da ação estrangeira em seu mercado original, ajustado pela relação entre a ação da companhia e o ADR. O valor de um ADR também é afetado pelo impacto da cotação da moeda norte-americana. Os ADRs foram desenvolvidos especialmente para facilitar a compra, manutenção e venda de ações de empresas não norte-americanas pelos investidores norte-americanos. Os ADRs do Banco do Brasil representam as ações ordinárias depositadas no banco depositário (BNY Mellon) e que garantem esses recibos e os direitos a eles inerentes, como especificado no Deposit Agreement.

Adicionalmente, os potenciais compradores de ADR’s do Banco do Brasil devem ler atentamente as publicações do Banco referentes aos Fatores de Risco disponíveis no website: www.bb.com.br/ri, em especial as seções “4. Fatores de Risco” e “5. Política de Gerenciamento de Riscos e Controles Internos” do Formulário de Referência.


Atualizado em 10/12/2018 às 03:05