Bônus de Subscrição

Emitidos em 1996, os bônus de subscrição constituem títulos negociáveis que incorporam um direito de subscrição de ações do capital social da companhia nas condições constantes do certificado.

Assegura-se ao titular do documento o direito de subscrever ações do capital social da sociedade emissora, nas condições especificadas no documento, em especial pelo preço e prazo definidos, independentemente do valor de mercado ou patrimonial da ação na época da subscrição.

BONUS-SUBSCRICAO

Atualizações

O preço de exercício dos bônus é corrigido pelo Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI), da Fundação Getúlio Vargas, até a data do efetivo exercício. Se na data da subscrição, o IGP-DI do mês não estiver disponível, aquele preço será corrigido “pro-rata”, usando-se como base o último índice conhecido.

Apresentamos a seguir a atualização mensal dos bônus, observando-se que:

A atualização de 17/06/96 até 30/06/96 foi efetuada pro-rata-dia;
Os IGP-DI negativos também foram considerados na atualização.

2011

Data Preço do Exercício (R$)
Janeiro 28,882675
Fevereiro 29,165166
Março 29,44414
31/03/2011 29,716655
01/04/2011 29,7257821
04/04/2011 29,7540941
05/04/2011 29,7635374
06/04/2011 29,7729837
07/04/2011 29,782433
08/04/2011 29,6658567
11/04/2011 29,6839067
12/04/2011 29,6899258
13/04/2011 29,6959462
14/04/2011 29,7019677
15/04/2011 29,7079905
18/04/2011 29,7260662
19/04/2011 29,7320939
20/04/2011 29,7381227
25/04/2011 29,7682855
26/04/2011 29,7743218
27/04/2011 29,7803592
28/04/2011 29,7863979
29/04/2011 29,7924378
02/05/2011 29,8103699
03/05/2011 29,8162196
04/05/2011 29,8220705
05/05/2011 29,8279226
06/05/2011 29,8337758
09/05/2011 29,8513423
10/05/2011 29,8133569
11/05/2011 29,8181117
12/05/2011 29,8228674
13/05/2011 29,8276238
16/05/2011 29,8418975
17/05/2011 29,8466569
18/05/2011 29,8514171
19/05/2011 29,856178
20/05/2011 29,8609397
23/05/2011 29,8752293
24/05/2011 29,8799941
25/05/2011 29,8847596
26/05/2011 29,8895258
27/05/2011 29,8942929
30/05/2011 29,9085985
31/05/2011 29,9133685
01/06/2011 29,9181393
02/06/2011 29,92307
03/06/2011 29,9280015
06/06/2011 29,9428007
07/06/2011 29,9477354
08/06/2011 29,7730875
09/06/2011 29,7731548
10/06/2011 29,7732221
13/06/2011 29,7734241
14/06/2011 29,7734914
15/06/2011 29,7735587
16/06/2011 29,773626
17/06/2011 29,7736933
20/06/2011 29,7738952
21/06/2011 29,7739625
22/06/2011 29,7740299
24/06/2011 29,7741645
27/06/2011 29,7743664
28/06/2011 29,7744337
29/06/2011 29,774501
30/06/2011 29,7745684

2010

Data Preço do Exercício (R$)
Dezembro 28,773704
Novembro 28,326095
Outubro 28,037612
Setembro 27,733757
Agosto 27,43192
Julho 27,372452
23/06/2010 27,59255
22/06/2010 27,578234
21/06/2010 27,5639255
Junho 27,279309
Maio 26,857884
Abril 26,666257
Março 26,498664
Fevereiro 26,212005
Janeiro 25,950292

2009

Data Preço do Exercício (R$)
Dezembro 25,979602
Novembro 25,966305
Outubro 25,976696
Setembro 25,911916
Agosto 25,888616
Julho 26,05537
Junho 26,139015
Maio 26,092049
Abril 26,081616
Março 26,302558
Fevereiro 26,336796
Janeiro 26,334163

2008

Data Preço do Exercício (R$)
Dezembro 26,450545
Novembro 26,432043
Outubro 26,14704
Setembro 26,053248
Agosto 26,152628
Julho 25,862963
Junho 25,38322
Maio 24,914821
Abril 24,638866
Março 24,467593
Fevereiro 24,374968
Janeiro 24,136021

2007

Data Preço de Exercício (R$)
Dezembro 23,786361
30/11/2007 23,709837
29/11/2007 23,703933
28/11/2007 23,69803
27/11/2007 23,692128
26/11/2007 23,686228
25/11/2007 23,680329
24/11/2007 23,674432
23/11/2007 23,668536
22/11/2007 23,662642
21/11/2007 23,656749
20/11/2007 23,650857
19/11/2007 23,644968
18/11/2007 23,639079
17/11/2007 23,633192
16/11/2007 23,627307
15/11/2007 23,621423
14/11/2007 23,61554
13/11/2007 23,609659
12/11/2007 23,603779
11/11/2007 23,597901
10/11/2007 23,592024
09/11/2007 23,586149
08/11/2007 23,580275
07/11/2007 23,692382
06/11/2007 23,683198
05/11/2007 23,674017
04/11/2007 23,664839
03/11/2007 23,655665
02/11/2007 23,646495
01/11/2007 23,637328
Outubro 23,363969
Setembro 23,093773
Agosto 22,77717
Julho 22,693205
Junho 22,634356
Maio 22,598199
Abril 22,566605
Março 22,517068
Fevereiro 22,465397
Janeiro 22,36921

2006

Data Preço do Exercício (R$)
dez/06 22,311201
nov/06 22,184748
out/06 22,006495
set/06 21,953806
ago/06 21,864163
jul/06 21,827057
30/06/2006 21,761428
29/06/2006 21,758677
28/06/2006 21,755926
27/06/2006 21,753176
26/06/2006 21,750426
23/06/2006 21,742178
22/06/2006 21,739429
21/06/2006 21,736681
20/06/2006 21,733933
19/06/2006 21,731185
16/06/2006 21,722945
14/06/2006 21,717453
13/06/2006 21,714707
12/06/2006 21,711962
09/06/2006 21,703729
08/06/2006 21,700985
07/06/2006 21,604894
06/06/2006 21,60475
05/06/2006 21,604606
02/06/2006 21,604174
01/06/2006 21,60403
31/05/2006 21,603891
30/05/2006 21,603751
29/05/2006 21,603612
26/05/2006 21,603194
25/05/2006 21,603054
24/05/2006 21,602915
23/05/2006 21,602776
22/05/2006 21,602636
19/05/2006 21,602218
18/05/2006 21,602079
17/05/2006 21,60194
16/05/2006 21,6018
15/05/2006 21,601661
12/05/2006 21,601243
11/05/2006 21,601103
10/05/2006 21,47008
09/05/2006 21,473204
08/05/2006 21,476329
05/05/2006 21,485704
04/05/2006 21,48883
03/05/2006 21,491957
02/05/2006 21,495084
28/04/2006 21,50791
27/04/2006 21,511144
26/04/2006 21,514378
25/04/2006 21,517612
24/04/2006 21,520848
20/04/2006 21,533793
19/04/2006 21,537031
18/04/2006 21,540269
17/04/2006 21,543507
13/04/2006 21,556467
12/04/2006 21,559708
11/04/2006 21,562949
10/04/2006 21,566191
07/04/2006 21,57592
06/04/2006 21,677825
05/04/2006 21,678259
04/04/2006 21,678693
03/04/2006 21,679126
31/03/2006 21,680413
fev/06 21,706033
jan/06 21,550867

Atualizado em 10/12/2018 às 03:03

Antecipação do Exercício

Bônus “C” – Antecipação do Exercício

Conforme decidido na Assembleia Extraordinária de 23/10/2007, os titulares de bônus de subscrição série C poderão antecipar o direito de subscrevê-los.

O exercício é facultativo e os bonistas deverão dirigir-se a qualquer agência do Banco do brasil, de 1º a 30 de novembro de 2007, onde lhes serão entregues o boletim de subscrição e o boleto bancário para pagamento à vista e em moeda corrente, em qualquer banco integrado ao sistema de compensação. Tanto os bonistas correntistas como os não correntistas poderão ser atendidos em qualquer agência do BB no país.

No caso dos bônus custodiados fora do Banco do Brasil, os titulares deverão procurar seus respectivos agentes de custódia, no prazo de 1º a 28 de novembro de 2007 para exercício do seu direito.
A referida antecipação não extingue o direito de exercício no período originalmente previsto, de 31/03/2011 a 30/06/2011, para os Bônus remanescentes.

14/06/2010 – Aviso aos Bonistas do BB

Aviso aos Bonistas
Oferta de Ações do Banco do Brasil
Antecipação do exercício do direito de subscrição de ações decorrentes do bônus série “C”

O Banco do Brasil informa aos titulares de bônus de subscrição série “C”, emitidos e distribuídos gratuitamente aos acionistas em 17.06.1996, conforme decisão da Assembleia Geral Extraordinária – AGE da mesma data, que a AGE de 19.05.2010 aprovou o aumento de capital do Banco, o que faculta a antecipação do exercício do direito de subscrever ações decorrentes desses bônus, sob as seguintes condições:

a) Cada bônus garante o direito de subscrever 3,131799 ações ordinárias nominativas;

b) As frações de ações resultantes do exercício dos bônus série “C” serão reunidas e, posteriormente, alienadas em Bolsa pelo Banco do Brasil. O resultado dessa alienação será rateado proporcionalmente à posição de cada bonista subscritor. As frações de ações resultantes do exercício dos bônus série “C” são intransferíveis, não podendo haver cessão de direitos;

c) O preço do exercício será de R$ 8,50 por bônus de subscrição, corrigido pelo Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI), da Fundação Getúlio Vargas, de 17.06.1996, até a data do protocolo do pedido de exercício do direito de subscrição. A título de ilustração, em 01.05.2010, o preço de exercício atualizado alcançava R$ 26,85, por bônus. Se na data da subscrição o IGP-DI do mês não estiver disponível, o preço será corrigido pro rata die, usando-se como base o último índice conhecido;

d) O período para o exercício do direito antecipado será de 21.06.2010 a 23.06.2010. O prazo para detentores de bônus custodiados em bolsas de valores encerrar-se-á em 22.06.2010. A antecipação do direito de exercício terá como base a posição dos detentores de bônus até 16.06.2010, inclusive;

e) A forma de integralização será à vista, em moeda corrente;

f) O boletim de subscrição será entregue ao detentor dos bônus em qualquer agência do Banco do Brasil e o pagamento poderá ser efetuado, no dia da sua emissão, em qualquer banco integrado ao sistema de compensação. Os detentores de bônus custodiados em bolsas de valores deverão exercer seu direito nos agentes de custódia a que estiverem vinculados;

g) As ações a serem subscritas em decorrência do exercício dos bônus série “C” garantem aos seus titulares todos os direitos assegurados aos titulares de ações ordinárias de emissão do Banco do Brasil, inclusive quanto ao recebimento integral de quaisquer benefícios, dividendos e demais proventos de qualquer natureza aplicáveis que vierem a ser declarados pelo Banco, após a homologação do aumento do capital referente ao exercício dos bônus série “C” pelo BACEN;

h) Nenhum dos direitos conferidos às ações serão conferidos aos recibos de subscrição, inclusive o recebimento de dividendos. Os recibos de subscrição conferirão aos seus titulares somente o direito de serem convertidos em ações ordinárias de emissão do Banco após a homologação do aumento de capital referente ao exercício dos bônus série “C” pelo BACEN;

i) O exercício deste direito é facultativo e poderá ser exercido parcial ou integralmente, agora ou no prazo anteriormente previsto, de 31.03.2011 até 30.06.2011;

j) Para exercer o direito de subscrição, o titular dos bônus deverá estar com o seu cadastro atualizado.

Estamos à disposição para maiores esclarecimentos em qualquer agência do Banco do Brasil ou por meio de nosso Serviço de Atendimento ao Acionista da Central de Atendimento BB – telefone 4004 0001 (Capitais e Regiões Metropolitanas) ou 0800 729 0001 (Demais localidades).

Brasília (DF), 14 de junho de 2010.

Ivan de Souza Monteiro
Vice-presidente de Finanças, Mercado de Capitais e Relações com Investidores

 


Atualizado em 10/12/2018 às 03:04

Histórico e Características

O Conselho de Administração (CA) do Banco do Brasil, visando incrementar o processo de aumento de capital, em reunião realizada no dia 03/05/96, aprovou e deliberou submeter à Assembleia Geral Extraordinária (AGE), proposta para emissão e distribuição gratuita de bônus de subscrição aos acionistas. Em reunião do dia 17/06/1996, a AGE acatou a proposta do CA e aprovou, por unanimidade, a emissão gratuita dos bônus de subscrição.

Cada bônus garantiu ao seu detentor o direito de subscrever 0,56067 ação ON e 0,43933 ação PN para ser mantida a proporcionalidade do capital social do Banco do Brasil na data da AGE (17/06/96).

Os bônus representam um direito disponível que, pode ser renunciado, ou seja, os bonistas não estão obrigados a antecipar ou exercer o exercício do direito previsto nos títulos.

O bonista pode negociar a qualquer momento em bolsas de valores, o seu direito aos bônus.

Os bônus estão representados pela forma escritural, isto é, sem emissão de certificado.

Em 17/06/96, os bônus de subscrição foram creditados na posição acionária de todos os acionistas do BB, na proporção de um bônus para cada ação possuída naquela data, conforme tabela abaixo:

Série Quantidade Emitida de Bônus % do Capital Ordinárias Preferenciais Data Limite
A 142.394.462.616 20 79.836.303.355 62.558.159.261 30/06/2001
B 213.591.693.924 30 119.754.455.032 93.837.238.892 30/06/2006
C 355.986.156.540 50 199.590.758.387 156.395.398.153 30/06/2011
Total 711.972.313.080 100 56,07% 43,93%

O Período para o exercício do direito à subscrição, parte em ações ON e parte em ações PN, foi o seguinte para cada uma das séries:

A = 31.03.2001 a 30.06.2001
B = 31.03.2006 a 30.06.2006
C = 31.03.2011 a 30.06.2011

O bônus não exercido até a data limite estipulada para cada série será automaticamente cancelado.

O preço do exercício ficou estipulado em R$ 8,50 por lote de mil ações subscritas, corrigidos pelo IGP-DI da Fundação Getúlio Vargas até a data do protocolo do pedido de exercício do direito de subscrição.

Por ocasião da conversão autorizada na ata da AGE de 07/06/2002, foi aprovado a aplicação das mesmas regras de conversão adotadas para a conversão das ações preferenciais em ordinárias, em relação aos bônus de subscrição de ações emitidos pelo Banco, séries “B” e “C”. Dessa forma, cada bônus garantiu o direito a subscrever 1,043933 ação ON [0,56067 ON + (0,43933 PN x 1,1)] no período de exercício de 2006 e garantirá o direito previsto para o ano de 2011.

Em 12 de novembro de 2003, foi aprovado na Assembleia Geral Extraordinária o grupamento das ações e bônus de subscrição na proporção de 1.000 (mil) ações/bônus existentes por 1 (uma) ação/bônus.

A Assembleia Geral de Acionistas do Banco do Brasil, realizada em 25 de abril de 2007, decidiu desdobrar as ações do Banco (BBAS3) na proporção 1:3, ou seja, duas novas ações para cada ação existente. O referido desdobramento foi efetivado em bolsa de valores a partir de 04/06/2007. Como não houve desdobramento dos bônus de subscrição série “C” (BBAS13), foi alterada a proporção válida para eventual exercício do direito desse título para 3,131799 ações ordinárias para cada bônus de subscrição.


Atualizado em 10/12/2018 às 03:04

Perguntas Frequentes

BONUS-SUBSCRICAO-FAQ

O que é Bônus de Subscrição?

É um título negociável emitido por uma empresa que dá direito ao titular de subscrever ações nas condições previamente definidas. Os bônus C (BBAS13) foram distribuídos em 17/06/1996 e conforme decisão de AGE realizada naquela data, representam um direito de subscrever ações. O período para exercício do direito será de 31/03/2011 a 30/06/2011.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:36

O que é Exercício do Direito? O bonista poderá fazer exercícios parciais de subscrição?

É a efetivação da compra mediante a assinatura do Boletim de Subscrição e seu pagamento será em moeda corrente no mesmo dia da sua emissão. Sim. O exercício deste direito é facultativo, podendo ser exercido parcial ou integralmente.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:36

O que ocorrerá com as frações de ações, resultantes do exercício do bônus “C”?

As frações serão reunidas e alienadas em Bolsa, pelo Banco do Brasil e o resultado será rateado, proporcionalmente à posição fracionária de cada bonista subscritor. As frações são intransferíveis, não podendo haver cessão de direitos.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:36

O bonista correntista só pode ser atendido na agência onde mantém conta corrente?

Não. O bonista correntista poderá ser atendido em qualquer Agência do BB no País ou na corretora onde mantém posição de ações/bônus.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:35

É necessário ser correntista do Banco do Brasil?

NÃO. O bonista não correntista poderá ser atendido em qualquer Agência do BB no País ou na corretora onde mantém posição de ações/bônus.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:35

Onde o bonista poderá exercer o seu direito?

Em qualquer agência do Banco do Brasil ou em seu agente de custódia.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:34

Como e onde posso pagar o boleto bancário?

O pagamento do boleto bancário poderá ser realizado em qualquer Agência do Banco do Brasil ou da rede bancária, sempre em dinheiro, no mesmo dia da emissão do Boletim de Subscrição. Caso o boleto não seja pago no dia do vencimento, a antecipação será considerada não efetivada e o dinheiro do bonista ficará disponível para saque no caixa da agência que emitiu o Boletim de Subscrição. Boletim de Subscrição é o documento que o bonista receberá quando do exercício do Bônus “C”.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:34

Qual é o preço de exercício do bônus “C”?

O preço de exercício do bônus “C” é de R$ 8,50, corrigido pelo Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI), da Fundação Getúlio Vargas, de 17/06/1996, até a data do pagamento do boleto bancário relativo ao exercício do direito de subscrição.


Atualizado em 06/12/2018 às 06:33

Qual é o período que o bonista poderá exercer seu direito e subscrever ações ON do Banco do Brasil S.A ?

Nas agências do Banco do Brasil, o início do atendimento será no dia 31/03/2011 e o término em 30/06/2011. Nos agentes de custódia o término será dia 28/06/2011.


Atualizado em 06/12/2018 às 05:09

Quantas ações o detentor de Bônus “C” pode subscrever?

O detentor do Bônus “C” terá direito de subscrever 3,131799 ações em consequência do desdobramento das ações do Banco do Brasil na proporção 1:3, em junho de 2007, sendo o fator de conversão do bônus C ajustado na mesma proporção. Isso significa que cada bônus, que daria direito a subscrever 1,043933 ação, passou a dar direito a subscrever 3,131799 ações.


Atualizado em 06/12/2018 às 05:09

O que o bonista deve fazer para exercer o seu direito de subscrição?

Primeiro passo: Os bonistas deverão certificar-se de que seu cadastro está atualizado, independentemente do local onde exercerão o seu direito.

Segundo passo: Caso a posição de bônus esteja na bolsa, o bonista deverá contatar o seu agente de custódia, para efetivar a subscrição. Será exigido o reconhecimento de firma, por autenticidade, para os Boletins de Subscrição obtidos nos agentes de custódia. Caso sua posição acionária esteja no BB, o acionista deverá dirigir-se a qualquer agência do Banco do Brasil, munido de seus documentos pessoais, para obter a documentação necessária à subscrição: o Boletim de Subscrição de Ações Ordinárias Escriturais do Banco do Brasil S.A. e o boleto bancário.

Terceiro passo: Efetuar o pagamento do boleto, obrigatoriamente, no mesmo dia da emissão e no valor exato do boleto, em qualquer banco integrante do sistema de compensação. Somente após o pagamento do valor fixado no boleto bancário é que o bonista terá exercido seu direito de subscrição das ações ON.


Atualizado em 06/12/2018 às 05:08

Como verificar a quantidade atual de bônus que o bonista possui?

Nas agências ou na Internet através do site www.bb.com.br, opção Conta-Corrente e consulta /extratos / Ações na Instituição Depositária – Quantidade, ou ainda na Sala do Acionista disponível no site de Relações com Investidores – Extrato e Saldo de Ações


Atualizado em 06/12/2018 às 05:07

Qual o público alvo?

Todos os bonistas detentores de Bônus "C" na data do exercício do direito, no período compreendido entre 31/03/2011 a 30/06/2011.


Atualizado em 06/12/2018 às 05:07

Qual a forma de pagamento da subscrição de ações relativa ao exercício do bônus “C”?

À vista, em moeda corrente, através de boleto bancário emitido junto ao Boletim de Subscrição, no mesmo dia de sua emissão e no valor exato do boleto em qualquer agência do Banco do Brasil ou na rede bancária integrada ao sistema de compensação. Obs: Não serão aceitos pagamentos em cheque.


Atualizado em 06/12/2018 às 05:07

O que acontece com as frações caso o bonista faça exercícios parciais de subscrição?

As frações resultantes desses exercícios serão somadas. Caso a soma possua parte inteira, esse inteiro será acrescido na posição do investidor.


Atualizado em 06/12/2018 às 05:06


Atualizado em 10/12/2018 às 03:02